ANOITECER

anoitecer 08 2018

Pedido do perdido , ao ver a escuridão , que se tenha a luz. Aquela que ofusca o andar das correntes mágicas. Não vendo ! Só empresto que no exato momentos as curvas estão todas em linha reta. Um novo do antigo. Um gesto um Agosto com gosto amargo como o gelo derretido em sal. Num assunto absurdo de dois  , aonde a chegada è simplesmente de estamos aqui !  Com cara de gosto de nada -“Não precisa agradecer”

Até 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s